Irmão de Kevin Spacey revela que pai era nazista e abusava sexualmente dele

Por Redação 31/10/2017 - 19:54 hs

Depois de ser acusado de assédio sexual, revelar a homossexualidade e ver a série que protagoniza – "House of Cards" – ser cancelada pela Netflix, o ator Kevin Spacey, de 58 anos, volta aos holofotes com mais uma polêmica.

O tabloide "Daily Mail" divulgou uma entrevista com seu irmão mais velho, Randall Fowler, de 62 anos, em que este revela que foi violentado sexualmente pelo pai deles durante anos fazendo com que vivesse uma "infância de horrores" ao lado de Spacey e da irmã Julie. Segundo Fowler, que já tinha feito essas declarações ao jornal "The Mail on Sunday" em 2004, a mãe sabia de tudo o que acontecia na família.

Ainda de acordo com o irmão de Spacey, que é imitador profissional do cantor Rod Stewart e motorista de limousine, o pai Thomas Geoffrey Fowler teria feito parte do partido americano nazista e até deixado crescer um bigode para ficar mais parecido com Adolf Hitler.

Fowler também afirmou que nunca quis ter filhos para não repassar o "gene predador" de seu pai, que chegou a ficar conhecido como "A Criatura".

O tabloide conversou exclusivamente com o irmão de Spacey sobre as recentes acusações que cercam a vida do ator e ele afirmou achar tudo "muito perturbador".